quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

Outros justiceiros

Além de Thomas Cale, há outros personagens que lutam pela justiça com as próprias mãos.


Dexter

Personagem da aclamada série de TV homônima, Dexter é um especialista forense em amostras de sangue, que trabalha para o Departamento de Polícia de Miami. Apesar de ser um sujeito muito educado, carismático, respeitado pelos seus amigos e que adora crianças, Dexter também é um serial killer que mata somente as pessoas que os tiras não conseguem prender.



Van Helsing

Abraham Van Helsin é um personagem do romance Drácula de Bram Stoker. Natural de Amsterdã, Países Baixos, o célebre professor de antropologia e filosofia também era uma especialista em doenças obscuras, além de ser um cientista ortodoxo, que com isso consegue usar símbolos religiosos para derrotar seus inimigos. Dentre os vários artefatos de seu largo arsenal, algumas preferências: estacas, água benta, alho e uma adaga muito afiada e abençoada, capaz de decapitar um vampiro.

quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Mão esquerda nas redes sociais

O livro “A Mão Esquerda de Deus” conta a história de Thomas Cale, um menino que vive no Santuário dos Redentores. Um lugar para onde muitos outros meninos, chamados de “acólitos”, são levados antes de completarem 10 anos de idade para serem treinados para uma guerra.

Conheça mais o livro nas principais redes sociais:

Orkut

Facebook

Twitter

Visite também o site oficial

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Artes Marciais

Todo guerreiro possui habilidade em algum tipo arte marcial. E as lutas mais antigas são ensinadas paras as crianças que estão no santuário dos redentores. Lá eles são obrigados a aprender a lutar Jui Jitsu, Muay Thai e Kung Fu.

Conheça um pouco dessas artes:

Jiu Jitsu:

Com raízes na Índia e China, o jiu jitsu é caracterizado pelo uso de alavancas e requer agilidade e flexibilidade na aplicação das técnicas para agarrar, projetar, imobilizar, torcer, luxar, quebrar e estrangular. Procura aproveitar a força e o erro adversário para favorecer a própria estratégia e vencer o combate.

Muay Thai:

Original da Tailândia onde é considerado um espetáculo a parte e serve ao treinamento do exército. Baseia-se no uso livre e variado de braços e pernas em combinação para aplicação de socos, cotoveladas, joelhadas e chutes altos e baixos.

Kung-Fu:

É originário da China e nasceu da necessidade de sobrevivência dos antepassados na luta contra animais ferozes e contra inimigos.
Conta a lenda que certa vez um monge chinês subiu numa montanha e se pôs a contemplar o movimento dos animais, as posições que tomavam para a luta e a maneira como se defendiam dos ataques. Observando tais movimentos, desenvolveu um trabalho de adaptação desses animais para o homem, estruturando-os de acordo com as possibilidades físicas do homem.

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

Conheça o anjo da morte

O lugar é chamado de santuário, mas na verdade é o inferno na terra. Os homens que lá vivem são chamados de redentores, porém não passam de torturadores, cruéis e violentos.

As crianças que entraram ali esqueciam seus nomes, seu passado e adentravam nessa nova vida, onde tudo é pecado, tudo é motivo de castigo. Thomas Cale é uma dessas crianças. Conheça sua trajetória de Cale em A Mão Esquerda de Deus.


quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

O Nome da Rosa

O Nome da Rosa é um filme que trata de uma história ocorrida no ano de 1327, em um mosteiro italiano que continha o maior acervo cristão do mundo. Poucos monges tinham o acesso ao mosteiro, devido às relíquias arquivadas em sua biblioteca.

No filme, um monge franciscano e renascentista, interpretado pelo ator Sean Connery, foi designado para investigar vários crimes que estavam ocorrendo no mosteiro. Os mortos eram encontrados com a língua e os dedos roxos e no decorrer da história descobre-se que um determinado livro continha páginas envenenadas. Então, quem profanasse a determinação de ler o livro, morreria antes que informasse o conteúdo da leitura aos outros.

Em A Mão Esquerda de Deus, Thomas Cale vive em um mosteiro onde aconteceu um misterioso assassinato que dá início a trama de Paul Hoffman.

terça-feira, 7 de dezembro de 2010

Guerreiros

Um guerreiro é uma pessoa habitualmente envolvida em guerra e com habilidades para engajar-se em combate. São pessoas pagas para participarem de campanhas militares e recaem em uma dessas categorias:

Soldados: quando lutam em prol do seu próprio estado;

Mercenários: quando oferecem seus serviços comercialmente e sem qualquer relação com sua nacionalidade.

Em muitas sociedades nas quais existe uma classe guerreira especializada, códigos específicos de comportamento são instituídos para assegurar que esta classe não seja perigosa para o restante da sociedade. Códigos de guerreiros têm frequentemente características comuns e usualmente valoriza a lealdade, coragem e honra.

Em “A mão esquerda de Deus” Thomas Cale é o nosso guerreiro.

quinta-feira, 2 de dezembro de 2010

Uma nova guerra?

Essa semana a Coréia do Norte bombardeou a Coréia do Sul, em um episódio que gerou tensão em todo o mundo. A história da divisão das duas Coréias ocorre desde o fim da Segunda Guerra Mundial. Desde 1910, o território era ocupado pelos japoneses, que se renderam após a explosão das bombas atômicas. Com a derrota, a Coréia foi dividida entre soviéticos e americanos, exatamente no paralelo 38.

Até hoje, as duas Coréias não possuem um bom relacionamento, principalmente por parte da Coréia do Norte, conduzida pelo ditador Kim Jong-il. O país ameaça toda a comunidade internacional com testes de armas nucleares e mísseis. Os militares da Coréia do Sul já estão de guarda na fronteira com o país do norte e utilizam táticas secretas para coagir o inimigo.

Thomas Cale utiliza técnicas e estratégias de guerra durante toda a sua trajetória percorrida no livro. Estas e outras formas de combate se encontram no livro ‘A Mão esquerda de Deus’. Comentem!

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

A Mão Esquerda de Deus e a Idade Média

O universo em que a história de “A Mão Esquerda de Deus” se passa tem tudo a ver com a Idade Média. As batalhas, castelos, reinos, guerreiros e tudo mais que a narrativa fala se entrelaçam com as histórias medievais. Mas afinal, porque essa época é tão falada até hoje?

A Idade Média foi o período intermediário entre a Idade Antiga e a Moderna. O fator mais marcante desse período da sociedade era a influência da igreja. Quer motivo maior para os dois universos, Idade Média e “A Mão Esquerda de Deus”, se conectarem?

O sistema político, social e econômico que mais caracteriza tudo isso era o feudalismo, sistema esse que torna quase impossível qualquer progressão social. Fomes, pestes e guerras também eram uma constante durante toda a era medieval.

Essa época até hoje encanta e possui admiradores de todas as idades e países. E você: também um fã desse período?

segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Catapultas: seria possível uma guerra sem elas?

Em “A Mão Esquerda de Deus”, muitos instrumentos de guerra são citados. Além de espadas, escudos, lanças e outras armas mais conhecidas, outros equipamentos mais elaborados também fazem parte da história. Uma delas é a catapulta.

Possivelmente criada pelos gregos no reinado de Dionísio, as catapultas tinham uma curiosidade: eram montadas nos próprios locais da batalha. O exército carregava algumas ou nenhuma peça consigo. Afinal, o material para confecção do equipamento era facilmente achado nos campos de batalha.

Será que as cenas de batalha do livro de Paul Hoffman seriam tão reais e incríveis sem as catapultas? Como seria uma invasão sem essa útil máquina de guerra?

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

A Mão Esquerda de Deus e A Arte da Guerra

Em “A Mão Esquerda de Deus”, a guerra é algo muito presente. Thomas Cale, o nosso anti-herói, é um mestre nesse quesito. Em vários momentos do livro as estratégias utilizadas definiram muito o fim de cada situação. Claramente, isso é de vital importância, não apenas na guerra, mas também na vida. Até que ponto podemos nos inspirar nesse tipo de pensamento e aplicá-los no nosso dia-a-dia?

Ao tentarmos identificar quem poderia ou o que servir como exemplo de ligação “táticas de guerra – vida”, o primeiro nome que vem a cabeça é o de Sun Tzu. Esse chinês é considerado um dos melhores estrategistas militares de todos os tempos e é o autor de “A Arte da Guerra”, um dos livros mais famosos de todos os tempos. Apesar de tratar sobre táticas militares, pode ser considerada uma obra filosófica. Os 13 capítulos do livro passam ensinamentos como planejamento, estratégia, fraquezas e forças, manobras e muitas outras. E afinal, não visualizamos a todo o momento isso em nossas vidas?

Você já leu “A Arte da Guerra”? O que acha de aplicar essas filosofias na vida cotidiana?

terça-feira, 9 de novembro de 2010

Qual é o segredo de Thomas Cale?

Thomas Cale é um assassino nato. Muito se questiona que estilo Thomas Cale utiliza. Podemos lembrar da luta contra o Materazzi. Apesar de ser um exímio lutador, o poderoso jovem não foi páreo para o anti-herói (ou seria vilão?) de “A Mão Esquerda de Deus”.

Ao imaginarmos que luta o acólito poderia ser especialista, fica difícil escolher apenas uma. Pela eficiência nos combates, um bom chute seria o MMA. Mas afinal, como definir o que é MMA?

O MMA (Mixed Martial Arts) é uma verdadeira mistura de artes marciais, já que não existem golpes e técnicas específicas do estilo. Wrestling, Judô, Jiu-Jitsu, Caratê, Kickboxing...essas artes e muitas outras se juntam e formam o famoso MMA. Cada arte proporciona vantagens que, somadas, ajudam bastante qualquer competidor.

Para você, qual estilo melhor se encaixa no jeito “Cale” de lutar?

quarta-feira, 3 de novembro de 2010

Trilogias – O que há de tão atraente?

Trilogia é o conjunto de três trabalhos artísticos e que estão conectados, mas que podem ser vistos tanto como trabalho único quanto como três obras individuais. Muitas trilogias são obras de ficção que envolvem os mesmos personagens e cenários. Outras trilogias são conectadas apenas pelo tema. Mas porque elas cada vez mais fazem parte da nossa cultura?

Sempre existiram trilogias. Esse formato atrai e muito o campo do entretenimento. Mas é nítido que de algumas décadas pra cá, elas ficaram mais comuns. Normalmente iniciadas na literatura, elas acabam indo também para o cinema.

O fato de serem obras que se complementam, mas que ao mesmo tempo podem ser lidas independentes umas das outras, facilitam a compreensão do público e, paralelamente, fideliza-o.

E você, o que acha? Como você acha que será o desfecho de "A Mão Esquerda de Deus"? O primeiro livro te deixou empolgado para ler os dois próximos? Comentem e citem outras trilogias que marcaram a vida de vocês.

terça-feira, 26 de outubro de 2010

Jack Black fará filme sobre livro de Daniel H. Wilson


Os cinéfilos geeks já podem começar a comemorar: Steven Spielberg vai dirigir Robopocalypse, uma adaptação da obra homônima de Daniel H. Wilson, história que fala da tentativa da raça humana de sobreviver em uma época apocalíptica de revolta dos robôs. Além disso, Jack Black e o diretor Steve Pink, de A Ressaca, compraram os direitos de How To Survive A Robot Uprising. Ainda não se sabe, porém, se Pink vai dirigir ou Jack vai atuar.

Daniel H. Wilson (www.danielhwilson.com) é PhD em Robótica, além de apresentador do canal History Channel. Ele faz parte do programa The Works e se formou na Universidade Carnegie Mellon (Pensilvânia, EUA).

Muitos fãs de “A Mão Esquerda de Deus” já declararam que adorariam ver a história do livro retratada na grande tela. Vocês concordam? Será que o livro pode virar um grande filme?

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

A história do Undoukai


No livro “A Mão Esquerda de Deus”, o Santuário dos Redentores é um local sombrio e hostil, que recolhe meninos e os treina durante boa parte de suas vidas para o combate e é o ponto inicial da trama. O treinamento militar para crianças, preparando-as para as possíveis guerras fez parte de diversas culturas no mundo. Um bom exemplo é o modelo do UNDOUKAI (Japão), criado no século XIX, no início da Era Meiji (1868-1912).
Inicialmente tratava-se de uma gincana poliesportiva de cunho militar, tendo como base um centro de alojamento em Tóquio, em 1874. O chamado athletic sport era uma mistura de arremesso de peso e corrida, incluindo uma divertida corrida de caça a porcos. O vencedor seria aquele que conseguisse capturar o suíno ensebado. Quatro anos depois desta gincana, outro evento similar foi desenvolvido na Escola Agrícola de Sapporo e, a partir daí, outros foram acontecendo.

Durante o século XIX o Japão passou por um intenso processo de fortalecimento militar. A ideia era que as crianças já deveriam ser preparadas desde cedo, assim iniciou-se a prática de UNDOUKAI nas escolas de educação infantil. Inicialmente era a comunidade que organizava as competições nas escolas até que a prática se tornasse obrigatória. Com o tempo, as marchinhas militares foram substituídas por canções infantis e o UNDOUKAI passou a se configurar como grande representante da cultura popular japonesa. Vocês conhecem países que tem culturas semelhantes?

terça-feira, 5 de outubro de 2010

Amores Proibidos


Dizem que o coração é um terreno perigoso, principalmente quando ele deve retrair-se por motivos racionais. Quando se fala deste sentimento, sempre lembramos daqueles que chegaram ao extremo, que pagaram com suas próprias vidas, para estarem com a pessoa amada. E não existe referência maior na literatura que o casal criado por William Shakespeare, Romeu e Julieta.

Escrito há mais de 400 anos, é sua obra de maior importância e a mais encenada em toda história da humanidade. A peça narra uma tragédia, a história de amor entre dois jovens de famílias rivais, os Montecchio e os Capuleto.

Em “A Mão Esquerda de Deus”, o personagem principal Thomas Cale encontra em sua estadia em Memphis a tão sonhada liberdade, acompanhada pelo sabor do amor enlouquecido que sente por Arbell Pescoço de Cisne. Mas, por mais que existisse grande paixão entre o casal, este romance não era permitido e jamais poderia acontecer. Mais um grande caso de amor proibido na literatura. Conhecem outros casos de amores proibidos? Comentem!

quarta-feira, 11 de agosto de 2010

A atmosfera do livro pede uma trilha sonora. Que música você acha que seria perfeita para ambientar a história e ilustrar a vida de Cale no Santuário dos Redentores? Algo que fale de medo? De redenção? De morte? De castigo? Qual a sua percepção?

A música Dead Memories – Slipknot poderia se referir ao fato de Cale querer esquecer o que passou. Slipknot é uma banda de new metal norte-americana formada em Des Moines, Iowa. O alinhamento da banda manteve-se inalterado desde 1999 até 2010. A característica marcante da banda é que cada membro usa uma máscara distinta.

But you asked me to love you and I did
Traded my emotions for a contract to commit
And when I got away, I only got so far
The other me is dead
I hear his voice inside my head


Outra que se encaixa seria a Alive (N'Out of Control) do Papa roach. apa Roach A banda de rock dos Estados Unidos formada em Vacaville, em 1993, chegou ao sucesso com seu álbum de estréia Infest, lançado em 2000, e que ganhou três vezes disco de platina. Um trecho que poderia representar Cale poderia ser:

"I can't be your angel when I'm living like a devil
Can't be your lover when I'm living like a rebel
Don't want your pity and I don't want your help
Don't try and save me, go take care of yourself"


Uma boa sugestão seria The Smashing Pumpkins é uma banda de rock alternativo norte-americana formada em Chicago no ano de 1987 com a música Fuck You (An Ode To No One)

But you asked me to love you and I did
Traded my emotions for a contract to commit
And when I got away, I only got so far
The other me is dead
I hear his voice inside my head


Leia o livro e imagine que cada cena desta surpreendente história ficaria mais excitante com um fundo musical. Dê a sua sugestão e coloque o som certo para cada fase daquele que foi considerado a verdadeira MAO ESQUERDA DE DEUS.

segunda-feira, 2 de agosto de 2010

Concurso Cultural: A Terceira Visão

Participe do novo concurso cultural do Livro A Mão Esquerda de Deus!

Para concorrer você precisa descrever uma batalha entre Thomas Cale e um dos 3 personagens criados por nós.

Link para ver os personagens no orkut:
http://migre.me/11DQ8

Aquele que reproduzir o melhor e mais criativo embate vai levar um exemplar do livro A Mão Esquerda de Deus, uma coleção a escolha da Editora Objetiva e terá sua história ilustrada e apresentada no site.

Mande seu roteiro para o email:
promomaoesquerda@gmail.com

Mas não se esqueça de ler o regulamento do concurso antes!

Link para o regulamento:
http://migre.me/11IxN


terça-feira, 20 de julho de 2010

Super-heróis em exposição


Aqui no blog muito já foi falado a respeito dos super-heróis. Isto porque eles são aqueles seres com poderes acima da média, que surpreendem e encantam a todos, principalmente, as crianças.

No Centro Cultural Banco do Brasil, o cartunista Ziraldo realiza uma exposição denominada: Zeróis. Os famosos super-heróis desde a década de 60, como o Batman e a Mulher Maravilha, foram pincelados em 44 quadros inéditos. Durante três anos o cartunista se dedicou a este projeto, que realiza uma verdadeira viagem ao mundo das histórias em quadrinhos. De hoje até o dia 19 de setembro, todos poderão conferir esta exposição, que ressalta a temática dos super-heróis em pinturas assinadas pelo artista.

Os super-heróis exercem tamanho fascínio, que podem passar pelo cinema, pintura e literatura com maestria. Ser considerado a mão esquerda de Deus é caracterizar Thomas Cale também como um grande herói! Por isso, é que o livro Mão Esquerda de Deus está entre os mais vendidos e quem sabe, Cale, não poderá transformar-se no próximo personagem a ser pincelado por Ziraldo.

segunda-feira, 19 de julho de 2010

Sucesso na web

No site do Guia da Semana o livro A Mão Esquerda de Deus aparece como grande indicação. Siga esta dica e comece a se planejar! Conheça o Santuário dos Redentores e saiba por que ele se tornou um ambiente tão sombrio e revelador. Compre o livro e se embrenhe em uma história de muitos mistérios.

O local, um misto de prisão, monastério e campo de treinamento militar, abriga garotos raptados por Lordes Opressores ainda na infância. Essas figuras, espécies de monges zeladores, preparam os jovens para combater os ditos hereges.

Saiba mais em:

http://migre.me/YnLE


Leia esta história e entenda porque Thomas Cale ganha maior atenção nesta narração no momento em que revela poderes que o consagram como a Mão Esquerda de Deus.

quarta-feira, 14 de julho de 2010

Mão Esquerda de Deus na Web

O livro de Paul Hoffman está reunindo muitos fãs aqui na web. Leia os comentários que foram escritos em alguns blogs e participe desta discussão pra lá de aventureira!

A Mão Esquerda de Deus não é um livro particularmente escrito para o público jovem, segundo acredita Paul Hoffman. "Fiquei surpreso ao ver que o livro foi tão bem recebido por essa faixa etária. Não esperava que uma história com tanto sofrimento e crueldade fosse agradar tanto aos jovens, não escrevi pensando exatamente neles. Minha ideia era desenvolver uma trama onde eu pudesse reviver e reinventar aspectos da minha infância. Queria ter a liberdade para amplificar as minhas sensações sobre esse período 40 anos depois de tê-lo vivido e foi bem divertido".

Leia mais em:

http://www.lendonasentrelinhas.com.br/2010/05/lancamento-mao-esquerda-de-deus-paul.html


A boa e má noticia é que é uma trilogia, boa porque um livro bom não pode ser único!! !rs. E ruim porque vamos morrer de ansiedade em esperar as aventuras de Thomas nos próximos livros. Eu já andei lendo umas partes e confesso que me prendeu muito. Mega ansiosa para ler esse livro também.

Saiba mais em:

http://andyinha.blogspot.com/2010/05/poison-news-mao-esquerda-de-deus.html

Lembre-se: a vingança é a melhor vingança.

(A Mão Esquerda de Deus, pág 315)

O lugar era chamado de Santuário... mas era o inferno na terra. Os homens que lá viviam eram chamados de Redentores... mas não passavam de torturadores, cruéis e violentos. As crianças que entravam ali esqueciam seus nomes, seu passado e adentravam nessa nova vida, onde tudo era pecado, tudo era motivo de castigo e onde, na verdade, eram treinados todos os dias das suas vidas... para matar e honrar a memória do Redentor Enforcado.

Leia mais em:

http://www.alelasorciere.com.br/2010/06/mao-esquerda-de-deus-paul-hoffman.html

Sucesso de público e vendas na Inglaterra, A Mão Esquerda de Deus resgata a atmosfera de clássicos como O Nome de Rosa, de Umberto Eco e O Senhor dos Anéis, de Tolkien, misturando elementos de história medieval com um ritmo ágil e contemporâneo. "Embora estejamos falando de um lugar que não existe, o Santuário dos Redentores facilmente se identifica com o cenário de miséria e dissolução existencial que presenciamos no mundo real. É uma história que pode se passar em qualquer lugar do mundo, em qualquer época e que mostra reações humanas inexoráveis", explica Paul Hoffman.

Saiba mais:

http://www.viagemliteraria.com.br/2010/05/lancamento-mao-esquerda-de-deus-de-paul.html

quinta-feira, 8 de julho de 2010

Sobre Paul Hoffman


Em uma entrevista, o autor do livro Paul Hoffman, relatou que pontos da história de Thomas Cale estariam relacionados à sua infância. O lançamento do livro A Mão Esquerda de Deus causou muito frenesi, tanto nos EUA, como no mundo todo.

Filho de imigrantes irlandeses, nascido na Inglaterra, ele teve uma infância muito pobre. Apesar dos pais serem doces, ele foi criado por uma ordem extremamente rigorosa. Durante um período, ele foi enviado, junto a seu irmão, a uma escola bem difícil. Funcionava tal qual uma espécie de prisão que, segundo ele, inspirou a criação do Santuário dos Redentores.

Quando finalmente saiu desta escola, uma professora o incentivou a ingressar em Oxford. O autor revela que, apesar das pessoas imaginarem que o Livro Mão Esquerda de Deus é um romance de fantasia, ele esbarra em sua própria realidade.
Trata de suas próprias experiências dentro desta religião extremista. No entanto, ele revela que o livro não é contra o catolicismo e sim contra a hierarquia católica. Ele se diz extremamente feliz com a variedade de pessoas que estão comprando o livro e conclui:

É muito difícil prever como as pessoas reagem ao livro, e eu acho que pode ser difícil predizer como as pessoas tomam o livro. O que todos querem fazer é pegar uma história que em certo sentido, lhes é familiar, porque repetições se você gosta da jornada humana que todo mundo passa. Todo mundo se sente como um estranho, todos devem começar com nada e criar algo. Mas, ao mesmo tempo, esta não é apenas como qualquer coisa que você já leu antes. O prazer de lê-lo, eu espero ser considerável.

Paul Hoffman

Fonte: http://shelf-life.ew.com/2010/05/24/exclusive-qa-with-paul-hoffman/


Book Trailer de A Mão Esquerda de Deus:


terça-feira, 6 de julho de 2010

O verdadeiro guerreiro



O Brasil saiu da Copa sem ter conquistado a vitória almejada! Mas, todo esforço deve ser louvado e existe uma série de aspectos que devem ser levantados quando se pensa em atingir algum objetivo. Por mais que um guerreiro deseje vencer na vida, nem sempre todas as disputas terminam de forma positiva.

Os maiores mestres da humanidade não pregam que a vitória deve ser sempre o fim; existem coisas no meio do caminho que precisam estar esclarecidas. Todo guerreiro não perde a noção de que são as atitudes positivas que te levarão a conquista de grandes vitórias e sabem a importância de cada etapa deste processo.

O guerreiro carrega consigo grande confiança, mas sem perder a humildade. Sua força não está apenas no físico, está também no espírito e, acima de tudo, sabe que perder faz parte do jogo. Quando não se consegue uma vitória, ele recua e refaz a sua estratégia. Por isso, pode ser chamado de guerreiro, porque em toda situação age como tal.

quinta-feira, 1 de julho de 2010

A garra de vencer

A última batalha do Brasil contra a Holanda, na Copa de 98, foi suada. Após um empate de 1X1, a seleção brasileira venceu a holandesa por 4X2, ao final, nos pênaltis. Amanhã, às 11:00h inicia-se um novo confronto. Do lado de cá, um time formado de craques como Kaká, Robinho, Luis Fabiano e outros. Já Sneijder e Robben são os destaques da seleção holandesa.

A nossa torcida é para que o time do Brasil se comporte como guerreiros e que entre nesta disputa para vencer. Por agora, vamos deixar o vídeo do último jogo da Copa de 98 para lembrança de todos. A torcida é que amanhã a vitória se concretize com grande saldo de gols para o Brasil.


quarta-feira, 30 de junho de 2010

Guerreiros do século XXI

Para a realização de um combate um guerreiro se prepara integralmente; corpo e espírito devem estar alinhados. Neste novo milênio, devido às inúmeras exigências são necessários alguns requisitos para garantir a sobrevivência nos campos de batalha. Hoje, estudantes, colaboradores e profissionais das mais variadas esferas podem ser considerados os guerreiros do futuro, capazes de realizaram transformações em cada combate.

Para tanto, será a competitividade o que motivará esta disputa. Não será, no entanto, necessário aniquilar os inimigos, e sim detectá-los. Cabe ressaltar que para este embate, o guerreiro deve ter conhecimento de si próprio e de sua equipe, em primeiro lugar. Deve ser aprimorada a capacidade de ver e sentir suas próprias emoções, bem como, saber gerenciar o poder.

Um guerreiro vencedor muitas vezes não reconhece seu poder, mas, a cada vitória se fortalece e se torna mais competitivo. Mas este guerreiro entende que competir não é humilhar e nem tampouco ter descaso de seu adversário. O guerreiro vitorioso acredita ser merecedor de sua vitória e usa mente, corpo e espírito para obtê-la.





segunda-feira, 28 de junho de 2010

O país do futebol

O quinto maior exportador de vinhos do mundo, país de Pablo Neruda e Gabriela Mistal é também um país onde o futebol tem grande popularidade. Combater o Chile é uma tarefa árdua e requer preparo de nossa seleção. O Chile se classificou para sete Copas do Mundo FIFA, que inclui a Copa do Mundo da FIFA de 1962. O Colo-Colo é um clube de futebol do país mais bem sucedido, tendo mais campeonatos nacionais e internacionais, incluindo a cobiçada Copa Libertadores das Américas, o torneio de clubes sul-americanos. Já o Universidad Católica foi o último campeão internacional da Copa Interamericana de 1994.


Mas, a seleção do Brasil é a favorita! Não precisamos falar muito, apenas que estamos indo em busca do nosso hexa! Será uma batalha e tanto, mas o país do samba, da cachaça e do futebol tem tudo para garantir mais um jogo vitorioso. A maior arma para lidarmos com este inimigo está na força e talento dos jogadores brasileiros. E, ainda, na alegria e torcida de toda uma nação que respira futebol, não só em época de Copa do Mundo, mas todos os dias do ano!

segunda-feira, 21 de junho de 2010

Praticando a paciência


A maior parte dos monges, pensadores afirma ser preciso inteligência e sabedoria para se reconhecer um inimigo. Por isso, a solução nunca estará em enfrentá-lo de frente, caso contrário, ele será imediatamente destruído. Para não cair em armadilhas é fundamental não se deixar levar pelas provocações. A arte da diplomacia é o instrumento que um homem sábio deve desenvolver. Com paciência o inimigo irá cansar-se e partirá para provocar outros.


“Aprimorar a paciência requer alguém que nos faça mal e nos permita praticar a tolerância.”

Dalai Lama




sexta-feira, 18 de junho de 2010

A batalha continua


Toda nossa torcida deu certo! A união dos super poderes deu a vitória ao Brasil no primeiro jogo da Copa do Mundo de 2010. Ainda em clima de competição, potencializamos a nossa força pela união de todos os super-heróis e de Cale, a mão esquerda de Deus, para que, no próximo jogo de domingo a vitória seja brasileira!

terça-feira, 15 de junho de 2010

Unindo forças para o Brasil

Hoje é a estreia do Brasil na Copa do Mundo e por isso, pedimos a força e energia de todos os super heróis aqui apresentados e também aqueles que ainda não passaram por aqui. Se Deus é mesmo brasileiro, Cale que é a Mão Esquerda de Deus também estará impulsionando esta energia! Todos numa mesma torcida para que todos os super poderes possam estar direcionados a nossa seleção brasileira!



Brasil rumo ao hexa e que todos os nossos inimigos fiquem para trás!!!




sexta-feira, 11 de junho de 2010

Mão Esquerda de Deus indicada pela Revista Magazine

Na sessão Livro Pipoca da Revista Magazine, do Jornal O Globo, o jornalista Bruno Porto classifica o livro Mão Esquerda de Deus como entretenimento de primeira.


Qualidades não faltam na saga criada por Hoffman: a realidade pós-apocalíptica onde ela se passa nos fisga de cara (e olha que metade dos livros e filmes de hoje se passa em realidades pós-apocalípticas), a narrativa é envolvente e as cenas de batalha, cinematográficas. É a figura enigmática do protagonista, Thomas Cale, um moleque de 14 anos, no entanto, o que mais chama a atenção – declara Bruno Porto.

Quer entender esse clima?




Na matéria veiculada nesta última terça-feira, dia 08 de junho, o jornalista enaltece o enredo, a riqueza do personagem e a finaliza afirmando que os fãs de grandes lutas, com heróis cascas-grossas, já podem encomendar a sua continuação.

quinta-feira, 10 de junho de 2010

Sinestro, O Lanterna Amarelo


O supervilão e inimigo do Lanterna Verde, Sinestro foi criado por John Broom e Gil Kane. Integrante da legião do mal, o personagem integra os quadrinhos e desenhos animados dos Super Amigos. Antigo membro da tropa dos Lanternas Verdes, ele se torna um ditador em Korugar., seu planeta natal. Descoberto pelos Guardiões do Universo, ele é aprisionado no Universo da Antimatéria. Neste local, ele começa uma amizade com os Trovejantes e recebe deles um poderoso anel amarelo.


O anel dos Lanternas Amarelos precisa ser recarregado por uma bateria específica ao se fazer o juramento da Tropa Sinestro. O seu material é composto por uma substância rara, encontrada somente no Universo de Antimatéria. Recentemente, Sinestro potencializou seus poderes ao unir a força do anel amarelo à sua fúria. A partir disso, ele forja diversos anéis e cria a Tropa Sinestro. Na dublagem brasileira, desenvolvida no início da década de 80, pela Herbert Ritchers, ele foi dublado por Orlando Drummond e chamado equivocadamente de Sinistro!



quarta-feira, 9 de junho de 2010

Lanterna Verde, o Guardião do Universo




Desenvolvido por Martin Nodell e Bill Finger, o Lanterna Verde é um super herói da DC Comics. Lançado na década de 60 e também conhecido como Lanterna Verde Alan Scott, o quadrinho sofreu reformulações. A partir de 1970 ele foi emparelhado com o Arqueiro Verde em uma série de quadrinhos inovadores. Como as histórias tinham um cunho social, o personagem se consagrou como um herói popular, mesmo depois, quando as abordagens passaram a ser com temas mais cósmicos.

Ao longo do tempo, vários indivíduos já assumiram o nome de Lanterna Verde., e os mais famosos são Hal Jorda (na foto acima) e John Stewart(no vídeo abaixo),.Os anéis dos Lanternas Verdes lhes conferia poderes de controlar o mundo físico. Eram considerados uma arma poderosa da galáxia que criava objetos plasmados, de acordo com a mente do portador. O formato do anel se assemelhava ao da antiga lanterna utilizada, por exemplo, pelos ferroviários para sinalizar alguma coisa ocorrida nos trilhos aos maquinistas de trens. Confeccionados pelos Guardiões do Universo, seres extremamente antigos e que tinham a missão de zelar pela manutenção da paz intergaláctica.



segunda-feira, 7 de junho de 2010

Coringa, o inimigo mortal de Batman

Existem várias histórias de como o Coringa era antes e como ele se tornou o que é hoje. E essa é uma das mais conhecidas.

Trata-se de um homem casado e feliz, que trabalhava como assistente de laboratório da indústria química Ace, em Gothan City. Movido pelo fracasso de não ter conseguido tornar-se comediante, ele se envolve com criminosos. Ele trama um assalto, mas sua esposa sofre um grave acidente doméstico no mesmo dia, o que adia o assalto. Mais tarde, pressionado pela gangue, ele tenta novamente executar o assalto que é frustrado por Batman e seguranças locais. Durante a fuga, o ex-funcionário da empresa cai em um tanque com lixo químico e sua pele se torna esbranquiçada e seus cabelos esverdeados.

A partir deste dia surge o Coringa. Denominando-se Palhaço do Crime, ele passa a cometer uma série de crimes sem lógica aparente. No entanto, todos estes crimes são frustrados pelo Batman. Coringa é um dos maiores inimigos de Batman e utiliza sua grande capacidade de improvisação em suas ações criminais. Mesmo sem conhecimento de técnicas de combate, ele possui a força anormal dos loucos. Sua criação mais poderosa é o Gás do Riso, composto de uma toxina que em contato com a corrente sanguínea, mata a vítima em segundos, deixando os músculos faciais contraídos num horrendo sorriso.

O personagem foi interpretado primeiramente pelo grande Jack Nicholson e imortalizado recentemente pelo incrível Heath Ledger, vejam os dois aqui.


quarta-feira, 2 de junho de 2010

Batman, o cavaleiro das Trevas

A primeira aparição deste grande super-herói acredita-se ter sido em 1932, através de desenhos de Frank Foster. Co-criado pelo desenhista Bob Kane e o escritor Bill Finger, embora apenas Kane receba oficialmente os créditos, apesar de seus esforços para dividir os méritos na criação do personagem.

O desenhista que o criou admirava a cultura vampiresca, imaginando um personagem todo de preto, mas Finger deu o formato final do super-herói, conforme o conhecemos atualmente. Assim como o homem-aranha, o Batman possui uma identidade secreta. Trata-se de um empresário bilionário que testemunha quando criança o assassinato de seus pais. No intuito de compreender a mente humana, este playboy viaja o mundo e conhece todas as artes marciais. Este esforço em treinar todas as técnicas de combate está em sua busca pela perfeição física e intelectual.

No entanto, Batman é um super-herói diferente dos demais, uma vez que ele não tem super poderes. Sua maior arma é seu intelecto, além de grandes habilidades para realizar investigações, usando dinheiro e tecnologia. Batman também é dono de um físico bem preparado e domina as diversas artes marciais.

Sua história já passou por inúmeras revisões, mas o que não muda é que Batman é o alter-ego de Bruce Wayne e que ele trabalha na luta contra o crime em Gotham City.